Saúde no Clique » Oftalmologia » Hipermetropia

Hipermetropia

Compartilhar no Facebook

hipermetropia é um distúrbio da visão caracterizado pela dificuldade em ver objetos que estão perto, causado por uma malformação do globo ocular. É o oposto da miopia, que é marcada pela dificuldade de ver ao longe.

Sintomas de Hipermetropia

  • Dificuldade em focar imagens que estão próximas;
  • Dor de cabeça;
  • Sensação de peso nos olhos;
  • Lacrimejamento;
  • Ardor e vermelhidão.

Causas de Hipermetropia

As causas de hipermetropia, na maioria dos casos, é genética e ocorre porque o olho da pessoa é um pouco menor que o normal ou a lente dos olhos é mais plana do que deveria ser, formando a imagem atrás da retina.

Hipermetropia Infantil

A hipermetropia é comum na maior parte das crianças, uma vez que os olhos delas são menores do que deveriam ser. Entretanto, pelo fato de terem um poder de acomodação maior, as crianças conseguem tolerar graus de hipermetropia muito mais elevados que os adultos.

Por isso é comum casos de pessoas que usam óculos na infância, mas quando os olhos atingem o tamanho ideal, na idade adulta, o problema se resolve e elas deixam de usá-los.

A hipermetropia infantil pode estar também relacionada com o surgimento do estrabismo acomodativo. Nesses casos, os sintomas costumam aparecer perto dos 2 anos de idade.

Hipermetropia tem Cura?

A cura da hipermetropia só pode ser conseguida através de cirurgia refrativa a laser, tornando o uso de óculos e lentes de contato desnecessário.

Cirurgia de Hipermetropia

São dois os tipos de cirurgia usados para corrigir a hipermetropia, ambos a laser :

  • PRK: Neste método, é utilizado um aparelho para fixar as pálpebras e aplicado um colírio anestésico nos olhos. A parte mais externa da córnea (epitélio) é então raspada e o laser aplicado na córnea;
  • Lasik: É aplicado um colírio para anestesiar o olho e, a seguir, um aparelho levanta uma camada da córnea para que o laser seja aplicado com elevada precisão.

Veja também