Sintomas de Intolerância à Lactose

A intolerância à lactose é a incapacidade parcial ou total de digerir a lactose, o açúcar do leite. Isso acontece devido à falta de uma enzima que quebra a lactose para que ela possa ser absorvida pelo organismo. Os sintomas aparecem depois de algumas horas ou logo após a ingestão de leite ou algum dos seus derivados. São eles:

  • Náuseas;
  • Vômitos;
  • Dor abdominal;
  • Distensão abdominal;
  • Gases;
  • Irritação intestinal;
  • Diarreias;
  • Assadura na região do ânus.

Diagnóstico da Intolerância à Lactose

Além de exames clínicos, existe um teste que pode ser feito em casa para quem desconfiar ser intolerante à lactose. Para isso, deve retirar da alimentação o leite e seus derivados (queijos, iogurtes, manteiga, requeijão, bolachas, creme de leite) durante uma semana. Se os sintomas desaparecerem, é provável que exista intolerância à lactose.

Tratamento da Intolerância à Lactose

Não existe uma forma de fazer o organismo produzir mais lactase, que é a enzima que quebra a lactose para poder ser digerida. Mas os sintomas podem ser controlados principalmente através de dieta, evitando alguns alimentos como:

  • Leite de vaca;
  • Leite de cabra;
  • Queijo fresco;
  • Manteiga;
  • Requeijão;
  • Ceme de leite;
  • Iogurtes;
  • Bolachas;
  • Bolos e pudins;
  • Adoçante em pó.

Algumas alternativas de leite e derivados para quem for intolerante à lactose:

  • Leite com baixa lactose;
  • Leite de arroz;
  • Leite de soja;
  • Queijos brie, camembert, roquefort, parmesão, prato e emmental.

Sintomas de Intolerância à Lactose em Bebês

É raro que os bebês já nasçam intolerantes à lactose. Se for esse o caso, a criança tem diarreia constantemente desde que nasce e não consegue digerir o leite materno nem outras formas artificias de leite de vaca. A mãe deve estar atenta se o bebê apresenta sinais de desconforto depois de mamar e comunicar isso ao médico.