Anticoncepcional Injetável

O anticoncepcional injetável ainda é motivo de dúvidas em muitas mulheres, muitas acreditam que seu uso pode prejudicar a fertilidade da mulher, evitando uma gravidez mesmo quando a mulher já tenha parado com o medicamento, mas isso tudo não é comprovado. O que se sabe é que a injeção  mensal previne o câncer do endométrio e dos ovários.

A injeção pode ser encontrada em duas formas: uma mensal e trimestral, a diferença entre ambas é que a mensal a mulher mestrua normalmente e a trimestral não mestrua ocorrendo a retenção de líquidos, o que pode aumentar o risco de aumento de peso em algumas mulheres, que pode acontecer também com a pílula . Ela é igual ao anticoncepcional oral. A injeção comparada com a pílula oferece  benéficios, como por exemplo: a injeção será tomada apenas uma vez no mês, no caso da mensal, não sendo necessário tomar todos os dias como acontece com a pílula. Contudo a injeção causa irregularidade no ciclo mestrual. A principal diferença enter ambas é que a injetável possui o  estrogênio natural na composição e o oral o estrogênio sintético.

Vantagens:

  • Oferece segurança e é muito eficaz;
  • Diminue o risco de anemia;
  • Reduz o risco de desenvolvimento de miomas;
  • Previne o câncer dos ovários e do endométrio;
  • Diminue as indesejáveis cólicas mesntruais.

É importante lembrar que a injeção anticoncepcional só previne a gravidez, por isso para evitar uma DST (Doença Sexualmente Transmissível) é fundamental o uso de camisinha.