Benefícios da Própolis

Os benefícios da própolis verde e vermelha para a saúde, garganta e pele, estão principalmente relacionados às suas propriedades antimicrobiana, anti-inflamatória e antioxidante, sendo eficazes no combate a bactérias, vírus e fungos, além de prevenir o envelhecimento precoce e ajudar na prevenção de doenças como o câncer. Veja alguns desses benefícios:

  • Ajuda a prevenir gripes e resfriados;
  • Sua ação antioxidante combate os radicais livres, que provocam danos nas células e são responsáveis pelo envelhecimento precoce e pelo surgimento de doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer;
  • Interfere na membrana celular das bactérias, desestabilizando a estrutura desses micróbios e facilitando assim a destruição dos mesmos;
  • Possui compostos fenólicos, como flavonoides e ácidos cumárico, cafeico e gálico, responsáveis pelas suas propriedades antioxidante e antimicrobiana;
  • Outro composto fenólico, a galangina, tem propriedade anti-inflamatória e analgésica, sendo por isso um bom remédio natural para dor de garganta, formando uma película no local que alivia o incômodo;
  • Sua ação antibacteriana atua especialmente contra um tipo de bactéria que causa a maioria das amidalites, além de potencializar a resposta dos antibióticos;
  • Os seus compostos fenólicos ajudam a manter a integridade do esmalte dos dentes e prevenir cáries e doença periodontal;
  • Aumenta a resposta das células de defesa, favorecendo o reconhecimento e a destruição dos micro-organismos;
  • A própolis vermelha é tóxica para as células cancerosas;
  • A mistura de mel com própolis é expectorante e pode ajudar a aliviar a prisão de ventre;
  • Utilizado em sabões, a própolis pode deixar na pele substâncias com propriedade antibacteriana, sendo indicado no tratamento da acne;
  • Em sprays, combate o mau hálito.

Como Usar a Própolis para Aproveitar o seus Benefícios

Apesar de todos os seus benefícios para a saúde, a própolis deve ser usada com moderação, durante um curto espaço de tempo, pois o seu uso contínuo e exagerado deixa o organismo tolerante aos seus compostos, que deixam de atuar de forma eficaz. A dose diária recomendada é de 15 gotas de própolis em jejum.