Como Substituir a Carne na Alimentação

Para substituir a carne na alimentação é preciso aumentar o consumo de outros alimentos ricos em proteína, que é o nutriente mais importante fornecido pela carne. Alguns dos alimentos que substituem a carne:

  • Soja;
  • Legumes (feijão, grão de bico, lentilhas, ervilhas);
  • Castanhas, nozes e amêndoas;
  • Quinoa;
  • Sementes de chia;
  • Peixes;
  • Aves;
  • Ovos;
  • Laticínios (leite, queijo, iogurte).

Além de suprirem as necessidades diárias de proteína, esses alimentos também são fontes de carboidratos, fibras, vitaminas e sais minerais.

Veja também: 20 Alimentos Ricos em Proteínas

Vale lembrar que se a pessoa tiver tendência, a gema do ovo pode aumentar o colesterol, por isso o consumo máximo deve ser de 3 gemas por semana, mas a clara está liberada, pois é proteína pura. Portanto, se tirar a gema do ovo, já não há restrições.

Além disso, os laticínios (leite, queijo, iogurte) são ricos em gorduras saturadas, que fazem mal ao coração. Por isso o melhor é apostar em versões magras e desnatadas desses produtos.

Como Fazer um Cardápio sem Carne

  • Café da manhã:

    • 1 iogurte desnatado;
    • 2 colheres de sobremesa de aveia;
    • 1 xícara de chá de frutas picadas;
    • 1 omelete com 1 ovo inteiro + 2 claras;
  • Lanche da manhã:
    • Duas fatias de pão integral light;
    • 1 fatia de queijo branco;
    • 1 fatia de peito de peru;
  • Almoço:
    • 3 colheres de sopa de arroz integral;
    • 1 colher de sopa de grão-de-bico cozido;
    • 1 filé de frango grande;
    • Brócolis no vapor;
    • 1 prato grande de salada;
  • Lanche da tarde:
    • 1 banana + 1 xícara de café de sementes de abóbora ou girassol torradas ou;
    • 1 iogurte light com 2 colheres de sobremesa de mix de cereais;
  • Jantar:
    • 1 tigela de sopa de couve-flor;
    • 1 filé de salmão grelhado;
    • 3 colheres de legumes;
  • Ceia:
    • Gelatina light + 1 pote de iogurte light ou;
    • 1 fatia de queijo branco + 1 colher de chá de geleia light.

O importante é não substituir a carne por uma única fonte de proteínas, mas sim variar os alimentos.