Gordura no Fígado tem Cura?

Gordura no fígado (esteatose hepática) tem cura. O tratamento tem como objetivo eliminar ou tratar a causa da gordura no fígado, que muitas vezes está relacionada com excesso de peso ou consumo de álcool (esteatose alcoólica).

O acúmulo de gordura no fígado pode ser muito grave e perigoso para a saúde quando atinge estágios mais avançados (esteatose hepática tipo II), podendo deixar o fígado inflamado e evoluir para doenças sérias como cirrose hepática, diabetes tipo 2 ou ainda câncer de fígado.

Tratamento para Gordura no Fígado

O tratamento para gordura no fígado exige uma abordagem multidisciplinar e consiste num conjunto de medidas para combater as causas do problema, tais como:

  • Emagrecer: Perder peso gradualmente, através de uma dieta adequada associada a exercícios físicos. Um emagrecimento rápido piora o quadro da esteatose hepática;
  • Não ingerir bebidas alcoólicas: A gordura no fígado pode ter como causa o consumo regular de álcool, seja ele diário ao apenas aos fins de semana;
  • Praticar atividade física: Os exercícios físicos queimam gordura corporal e baixam os níveis de colesterol e triglicérides;
  • Manter diabetes, colesterol e triglicerídeos sob controle: Taxas elevadas de açúcar no sangue, colesterol e triglicerídeos podem aumentar o acúmulo de gordura no fígado.

Causas de Gordura no Fígado

  • Excesso de peso (obesidade ou sobrepeso);
  • Consumo regular de bebidas alcoólicas;
  • Diabetes tipo II;
  • Dietas radicais, com muitas privações alimentares, que promovem um emagrecimento rápido;
  • Colesterol e triglicérides elevados;
  • Hepatites virais;
  • Medicamentos, como corticoides;
  • Cirurgias no tubo digestivo.

A gordura no fígado não apresenta sintomas na sua fase inicial, por isso a pessoa deve estar atenta aos fatores de risco para prevenir a esteatose hepática.