O que é a Obesidade no IMC, Causas e Tratamento

A obesidade é uma doença crônica caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura corporal, diagnosticada e classificada através do Índice de Massa Corporal (IMC). No Brasil, cerca de 18 milhões de pessoas são obesas e pelo menos metade da população está acima do peso.

Índice de Massa Corporal (IMC)

Atualmente, o critério mais utilizado para diagnosticar e classificar a obesidade é através da avaliação do Índice de Massa Corporal – IMC, que é obtido dividindo-se o Peso (em quilos) pelo Quadrado da altura (em metro). IMC = Peso / Altura 2.

Este índice se aplica a homens e mulheres, independente da idade, não sendo útil para crianças. Também é falho em pessoas com massa muscular muito ou pouco desenvolvida.

De acordo com o IMC podemos classificar a obesidade da seguinte forma.

IMC abaixo de 20 Baixo peso
De 20 à 24,9 Faixa de peso saudável
De 25 à 29,9 Sobrepeso
De 30 à 34,9 Obesidade grau 1
De 35 à 39,9 Obesidade grau 2
Acima de 40 Obesidade grau 3 ou mórbida

O IMC não representa a composição corporal de gordura e massa muscular, por isso pode induzir a erros. Pessoas musculosas podem ter resultados de sobrepeso ou obesidade, quando na verdade não são, enquanto indivíduos com pouca massa muscular podem ter IMC saudável, mas na realidade possuem uma percentagem de gordura acima do recomendado.

Causas de Obesidade

  • Maus hábitos alimentares;
  • Fatores genéticos, psicológicos e sociais;
  • Sedentarismo;
  • Disfunções endócrinas (hormonais).

Obesidade Mórbida

A obesidade mórbida é atingida quando o IMC tem valor superior a 40, sendo considerada uma doença grave cujo tratamento é feito através de métodos cirúrgicos.

Além de uma perda muito grande da qualidade de vida, o indivíduo com obesidade mórbida pode desenvolver outras doenças e distúrbios de risco elevado para a saúde como diabetes, hipercolesterolemia, doenças cardiovasculares, hipertensão arterial, trombose, depressão, entre outros.

Obesidade Infantil

A obesidade infantil está nitidamente associada a maus hábitos alimentares, falta de atividade física e obesidade dos pais, além de fatores genéticos.

Tratamento da Obesidade

O tratamento da obesidade pode ser feito através de dietas para emagrecer, prática de exercícios físicos, uso de medicamentos e, nos casos de obesidade mórbida, cirurgias bariátricas.

Cirurgias para Obesidade

Existem 3 tipos de cirurgia indicados no tratamento da Obesidade Mórbida:

  • Restritivas ou Banda Gástrica Ajustável: É uma espécie de cinta colocada no estômago que reduz a passagem da comida, fazendo com que a pessoa coma mais devagar e fique saciada mais rapidamente;
  • Mista predominantemente Disabsortiva: Este método retira uma parte do intestino, diminuindo a capacidade de absorção dos alimentos pelo organismos. É indicado para indivíduos com superobesidade, ou seja, IMC acima de 50;
  • Mista predominantemente Restritiva: Técnica pouco invasiva na qual o estômago é dividido em dois, sendo uma parte pequena e outra maior. O alimento é direcionado para a parte menor, fazendo com que a pessoa fique saciada em pouco tempo.