O que fazer para subir as plaquetas?

Não existem alimentos capazes de fazer subir os níveis de plaquetas, mas ter uma alimentação rica em vitaminas, minerais e proteínas é importante para manter o bom funcionamento da medula óssea, que produz as plaquetas.

Alimentos ricos em vitamina K como fígado, leite, gema de ovo e vegetais de folhas verde-escuras contribuem para diminuir as hemorragias, pois diminuem a quantidade de plaquetas necessárias na coagulação, evitando assim quedas acentuadas nos seus níveis.

Uma forma de subir as plaquetas do sangue é receber uma transfusão de plaquetas. O sangue usado pode ser do próprio indivíduo ou de doadores. A vantagem de se fazer o tratamento com o próprio sangue é que os riscos são mínimos.

Para obter o plasma rico em plaquetas, o sangue é centrifugado para que os seus componentes sejam separados. A porção plasmática que tiver o maior nível de plaquetas é utilizado, podendo ter até oito vezes mais plaquetas do que o plasma comum.

O plasma é a parte líquida do sangue que permanece após a retirada das células.​

Outros Tratamentos para Subir as Plaquetas

  • Os corticosteróides podem aumentar os níveis de plaquetas, mas o aumento pode ser passageiro;
  • Medicamentos que suprimem o sistema imunológico, como a azatrioprina;
  • Altas doses de imunoglobulina ou fator anti- Rh por via intravenosa.

Os tratamentos usados para subir as plaquetas variam conforme as causas da redução do número de plaquetas.